Pedras do vulcão Kilauea podem chegar a 6km da cratera. Como e porque ocorre as explosões? E o perigo silencioso do VOG Portal VozdoCLIENTE


Vídeo mostra o Kilauea está tomando parte da Big Island (Ilha Grande). Carros, casas, avenidas e florestas sendo engolidas pela lava que está jorrando do vulcão


Com informações do Whashington Post e da USGS:

Quando as bordas viram projéteis

A descida constante das bordas do lago de lava na cratera Halema no cume do vulcão k?lauea aumenta o potencial para erupções explosivas.

E há agravantes: Se a coluna de lava cair para o nível das águas subterrâneas sob a caldeira de k?lauea, a entrada de água no "tubo" pode causar explosões a vapor. Os detritos expulsos durante tais explosões podem afetar a área uma grande área em torno do cume do vulcão.

Embora o vulcão aparenta algum tempo de tranquilidade, os cientistas não conseguem dizer com certeza que a atividade explosiva irá ocorrer, quando, o quão grandes as explosões podem ser, ou quanto tempo pode durar.

O diagrama abaixo ilustra como isso ocorre no vulcão havaiano Kilauea, quando a coluna de lava desce abaixo da mesa de água, as águas subterrâneas podem entrar em contato com magma ou rochas quentes, causando explosões de vapor violentas como as bolhas de água:

Diagrama da USGS mostra como a queda das bordas do vulc?o podem aumentar as explos?es

Pedras de 2 metros de diâmetro

Durante estas explosões, blocos de pedras - que os cientistas nominam balísticos - de até próximo a 2 metros de diâmetro podem ser jogados em todas as direções e até 6 km ou mais da cratera.

Rochas menores (tamanho seixo) podem ser lançadas a vários kilômetros contra o vento, sendo de certa forma imprevisível seu alcance.

Nas explosões de 1924, calcula-se que algumas rochas podem ter atingido o nível de 20,000 metros acima do nível do mar, atingindo todas as ilhas da região.

Os residentes da área em torno do Kilauea devem aprender sobre os perigos da cinzas, manter-se informados sobre o estado do vulcão e os fechamentos de áreas e rever planos de emergência familiares e empresariais.

Outro perigo silencioso: o VOG

O VOG é a mistura de SO2 com partículas que são expelidas pela atividade principal do vulcão ou suas fissuras.

Um editor do Washington Post que freqüentemente visita a Ilha Grande tossiu e ofegou por duas semanas em 2016 antes de finalmente procurar tratamento médico. Foi-lhe dito que ele tinha todos os sintomas de um caso grave de pneumonia, graças ao vog.

De acordo com o Painel de Informações da Vag Interagência do Havaí, os sintomas de curto prazo podem incluir irritação nos olhos, nariz, garganta e pele; tosse e catarro; aperto no peito e falta de ar; aumento da suscetibilidade a doenças respiratórias; e, em alguns casos, fadiga e tontura.

A exposição é especialmente perigosa para pessoas que têm condições respiratórias como asma ou enfisema, porque são mais sensíveis aos efeitos do vog, disse Jeffrey Kam, chefe de alergia e imunologia do Straub Medical Center em Honolulu, ao The Post. Quando o VOG ocorre, Kam disse que vê um fluxo alto de pacientes.

Estudos mostraram que o aumento dos riscos para a saúde advém de uma quantidade maior do que o usual de emissões de dióxido de enxofre. De acordo com um artigo publicado em 2010 no Journal of Toxicology and Environmental Health, os pesquisadores descobriram que uma clínica local viu “três vezes mais dores de cabeça e duas vezes mais dores de garganta” depois que o Kilauea entrou em erupção em 2008. Os pesquisadores também relataram que estava a aumentar problemas respiratórios agudos que exigiam intervenções graves.

Concentrações de dióxido de enxofre, é claro, são mais altas perto de fissuras e imediatamente a favor do vento, disse Babb. Em algumas áreas, o gás ácido excedeu 100 partes por milhão, disse ela. "Isso está na zona perigosa", disse ela. "Essa é uma concentração muito alta."

Evacuar as pessoas de perto do vulcão ajuda mas os ventos podem levar os gases muito longe.

"Essas pessoas pobres estão presas lá", disse ele. "Você tenta evacuar, mas alguns desses centros de evacuação agora estão sendo inundados com os cheiros químicos e outras coisas e eles têm que realocá-los."

Outras medidas preventivas, como máscaras de gás, também têm limitações, disse Kam.

As máscaras precisam ser devidamente equipadas e equipadas com os cartuchos certos para filtrar os gases, disse ela. Ela acrescentou que, mesmo antes de comprar uma máscara de alta qualidade, as pessoas ainda devem fazer um teste de função pulmonar para garantir que seus pulmões sejam “suficientemente robustos e saudáveis”.

“As pessoas pensam muitas vezes que podem colocar essas máscaras de partículas de poeira que você usa ao pintar ou lixar madeira. Isso não funciona ”, disse ela. "Há mais do que apenas ir à loja local e comprar uma máscara de gás."

Para as pessoas que se recusam a evacuar, Kam disse que a decisão "não é sábia".

"Eles estão tirando sua vida em suas próprias mãos", disse ele.



Novo alerta: A cratera do vulcão teve diversas erosões. Foto: USGS



Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias


Anúncios [1426 - desktop]






Vídeos do Portal

Promoções







Mais ofertas!