Perdeu o prazo do cadastramento biométrico? VEJA o que acontece agora e novos prazos do TRE/MG Portal VozdoCLIENTE


Ao vivo no dia 7 a correria e o tumulto no TRE Big Shopping e João César, Contagem/MG



Está encerrado o cadastramento biométrico em todas cidades exigidas no país. Muitos eleitores, entretanto, embora alguns ainda ficaram por horas na fila (o vídeo anexo da reportagem foi uma visita ao vivo no Big Shopping e João César no penúltimo dia para o término do prazo) não conseguiram fazer o cadastramento que, em Minas é obrigatório nas cidades de Contagem, Betim, Uberaba e Uberlândia.

O que acontece agora?

Eleitores que não fizeram o cadastramento já estão suspensos de serviços e oportunidades que venham exigir o título de eleitor como tirar passaportes e se apresentar em concursos públicos.

Outro fator relevante é que, com o título cancelado, o eleitor obviamente não poderá votar para presidente, governador, senador e deputados na eleição deste ano.

Mas não se desespere.

O TRE/MG está mudando os procedimentos e ainda não cobrará multa dos eleitores. Ainda há como regularizar, basta procurar o TRE nos prazos indicados abaixo.

TRE/MG com atendimento suspenso (fonte: TRE/MG):

Em virtude de procedimentos internos, o atendimento ao eleitor em Betim, Contagem e Uberaba será suspenso de 10 (sábado de Carnaval) a 25 de fevereiro. Em Uberaba, também não haverá atendimento nos municípios que integram as zonas eleitorais locais. No caso de Uberlândia, o atendimento será suspenso de 10 a 18 de fevereiro. O eleitor dessas cidades que não tiver feito o recadastramento biométrico até 9 de fevereiro terá, depois dessas datas, a possibilidade de procurar a Justiça Eleitoral dos quatro municípios e regularizar sua situação, mantendo o mesmo número do título (e sem pagamento de multa).

A abertura do agendamento para a retomada do atendimento ao eleitor ocorrerá em dias distintos: Uberlândia já abriu as vagas. Uberaba abrirá no dia 15; Betim e Contagem, no dia 20. 

O atendimento a advogados e a partidos políticos sofrerá interrupção apenas no Carnaval e ocorrerá nas sedes dos cartórios das 12h às 18 horas a partir do dia 15 de fevereiro.

Prazo limite

Quem quiser votar em 2018, terá até o dia 9 de maio para fazer o procedimento de regularização do título. Esse prazo limite, estabelecido pelo Calendário Eleitoral expedido pelo TSE para todos os municípios do país, vale também para aquele que deseja tirar ou transferir o título ou regularizar sua situação por outras razões (como ter ficado três vezes sem votar ou justificar). 

Como o prazo para regularização dos cancelados vai só até 9 de maio e espera-se grande movimento próximo a essa data, o eleitor que estiver nessa situação e pretender votar em outubro deverá procurar a Justiça Eleitoral assim que forem reabertos os trabalhos de atendimento. O eleitor não deve deixar para a última hora, pois, após esse prazo, será mantido o cancelamento do título e ele não poderá votar em 2018. 

Documentos

Para regularizar a situação, o eleitor que não compareceu ao recadastramento biométrico pode procurar a Justiça Eleitoral do seu município e apresentar documento de identificação oficial e comprovante de endereço. Não haverá cobrança de multa em virtude do não comparecimento ao recadastramento biométrico em Betim, Contagem, Uberaba e Uberlândia. 

Para o alistamento e transferência - inclusive para seções de fácil acesso -, o prazo também é o dia 9 de maio. Além do documento de identificação e do comprovante de endereço, o eleitor do sexo masculino com mais de 18 anos que for tirar o título pela primeira vez, também deve apresentar o comprovante de quitação com o serviço militar. 
 



Em Minas, somente as cidades de Uberaba, Uberlândia, Betim e Contagem eleitores foram convocados



Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias


Anúncios [2715 - desktop]



Vídeos do Portal

Promoções







Mais ofertas!