Montadora vendeu carros zero para Ministério da Justiça mas chassis já se encontravam no sistema. Polícia Federal desarticulou esquema de adulteração no Amapá [Portal VozdoCLIENTE]

Montadora vendeu carros zero para Ministério da Justiça mas chassis já se encontravam no sistema. Polícia Federal desarticulou esquema de adulteração no Amapá Polícia Federal (DPF)


Ilustração. Chassis adulterados deixam resquícios de numeração anterior.



A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (17/06) a operação Marca Fria, para desarticular um esquema de adulteração de chassis de veículos e a inserção de dados falsos em sistema de informações do Departamento de Trânsito do Estado do Amapá – DETRAN/AP.

Policiais federais dão cumprimento a três mandados de busca e apreensão e a três de condução coercitiva, na cidade Macapá/AP.

Ao longo da investigação identificou-se que uma montadora vendeu lotes de veículos zero quilômetro aos Ministérios da Integração Nacional e da Justiça. Entretanto, no ato de licenciamento desses carros, foram detectados números de chassis que, de maneira possivelmente fraudulenta, já se encontravam licenciados e emplacados no DETRAN/AP.

Verificou-se que no DETRAN/AP houve o cadastramento de pelo menos 17 veículos clonados, ato que contou com a participação de servidores do próprio DETRAN/AP e de um despachante de veículos.

Os envolvidos poderão responder pelos crimes de inserção de dados falsos em sistemas de informação, adulteração de sinal identificador de veículo automotor, associação criminosa e uso de documento falso.



Veja a reportagem na fonte.



Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias