Alemão, do Avaí, é punido por dar ´voadora´ e acertar cabeça de Paulo Roberto (Bahia) durante o jogo: entrada violenta. [Portal VozdoCLIENTE]

Alemão, do Avaí, é punido por dar ´voadora´ e acertar cabeça de Paulo Roberto (Bahia) durante o jogo: entrada violenta. STJD


O lance foi gravado por internautas e publica


Os Auditores da Segunda Comissão Disciplinar puniram o atleta Alemão, do Avaí. Denunciado por agredir o adversário na estreia da Série B, o jogador teve a conduta desclassificada para jogada violenta e recebeu a suspensão de uma partida. O resultado, proferido na noite desta terça, dia 24 de maio, cabe recurso.

No confronto realizado na Arena Fonte Nova no último dia 14, o time Catarinense teve o atleta Alemão expulso aos 18 minutos do 1º tempo. Na súmula, o árbitro Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro informou o motivo da expulsão e a necessidade de atendimento médico do atleta atingido.

“Expulsei aos 18 minutos do 1º tempo, o atleta nº02 da equipe Avai/SC, Sr. Fagner Ironi da Ponte, por atingir o rosto do seu adversário nº 08, Sr. Paulo Roberto da Silva, com as travas da chuteira na disputa da bola. informo que o atleta atingido precisou de atendimento médico de urgência com a necessidade da entrada da ambulância para retirá-lo, precisando o mesmo ser substituído. informo que o atleta infrator deixou o campo de jogo normalmente”.

Diante dos Auditores, o advogado Felipe Macedo defendeu o atleta e usou como prova o depoimento pessoal do atleta, prova documental e os áudios do pedido de desculpas de Alemão e do retorno do volante Paulo Roberto afirmando ter sido uma jogada normal de jogo.

Alemão afirmou que foi imprudente na jogada, mas que não teve a intenção de machucar o atleta do Bahia. “Não é da minha índole”, disse.

O relator do processo , Auditor Nicolao Constantino votou para desclassificar a denúncia e justificou: “Pelo fato da primariedade, da presença do atleta e pelas provas de vídeo e de áudio houve imprudência e o atingido foi para o hospital. Não há como absolver. Desclassifico a conduta para o artigo 254 e aplico uma partida de suspensão”.

O voto foi acompanhado pelo Auditor Manuel Márcio e pelo presidente em exercício Jonas Lopes. 



Twitter pró-Avaí chamou a jogada de "Choque de Gestão". Foto: Twitter




Veja a reportagem na fonte.



Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias