Nível de reservatórios no entorno da RMBH acusam sensível estabilização após chuvas constantes no início de 2016 mas há dados preocupantes. [Portal VozdoCLIENTE]

Nível de reservatórios no entorno da RMBH acusam sensível estabilização após chuvas constantes no início de 2016 mas há dados preocupantes. Portal VozdoCLIENTE


Uma olhada no sistema Vargem das Flores percebemos uma melhora em Janeiro e estabilização nos meses seguintes. O ALERTA permanece



A beira da seca das represas em 2015 foi parcialmente superada na Região Metropolitana de Belo Horizonte (MG) no início do ano. Já em Janeiro, segundo o site CLIMATEMPO, o volume de chuvas já tinha superado o esperado em média do mês no dia 22.

Com a entrada do Outono e aproximação do inverno, espera-se redução considerável do volume de chuvas e, neste contexto, a água volta a ser preocupação para moradores e autoridades.

Sensível recuperação

Os sistemas Rio Manso, Paraopeba e Vargem das Flores conseguiram uma sensível melhora nos níveis de água, superando os 50% no mês de Abril (2016). O destaque foi para o Paraopeba que possuía apenas 22,7% no 1º dia do ano e no dia 1º de Abril superou 56%.

Ainda alarmante

Já o sistema Serra Azul chegou a 6,9% no dia 1/Jan e, infelizmente, não chegou a 34% ainda. Isso se refere a concentração de chuvas fora de suas bacias e o uso da água para suprir outros sistemas. Senão chover na região nos próximos dias o sistema tende a ser o caótico da região no período mais seco.

Continuar economizando

Embora as chuvas do começo do ano tranquilizassem um pouco a região metropolitana o ALERTA para economizar, independentemente de ordem governamental, deve permanecer e se tornar uma constante já que, entre Maio e Setembro, pelo menos, o nível de chuvas é muito inferior ao desejável este ano para suprir as represas.

Mapa do sistema


Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias