Jovem nepalês se torna o mais novo célebre cientista da humanidade ao descobrir água em Marte [Portal VozdoCLIENTE]

Jovem nepalês se torna o mais novo célebre cientista da humanidade ao descobrir água em Marte Portal VozdoCLIENTE


Ojha hoje é guitarrista da banda de heavy-metal estudante chamado Gorkha e já abandonou essas costeletas, por hora. Talvez o chamado científico a traga de volta!



Lujendra Ojha, esse é o nome dele. E é verdade, ele já teria formulado a teoria da existência da água salgada em Marte em 2011, quando tinha apenas 21 anos.

Lujendra Ojha pode ter acabado de se tornar o maior cientista do Nepal. O geo-cientista aspirante, que ainda caminhava para formalmente ser um cientista genuíno durante seus estudos de doutorado no Georgia Institute of Technology (EUA), foi o primeiro entre uma equipe de cientistas norte-americanos para mostrar de forma convincente que Marte certamente continha água líquida.

Isso pode dar peso enorme às teorias sobre a possibilidade de alguma forma de vida, mas céticos ressalvam de que muitas mais perguntas ainda precisam ser respondidas.

Ojha e seus colegas encontraram evidências de sais hidratados, perclorato de magnésio provavelmente, clorato de magnésio e perclorato de sódio, de acordo com um estudo publicado na revista Nature Geoscience esta semana. Os resultados também foram anunciados como parte de uma conferência no Jet Propulsion Laboratory da Nasa, na Califórnia, onde Ojha foi um dos palestrantes.

Embora ele tenha abandonado suas costeletas (de estudante acadêmico), Ojha teria dito que ele às vezes "ainda sonha em viajar pelo mundo tocando violão."

Ojha é guitarrista da banda de heavy-metal estudante chamado Gorkha e se mudou com seus pais para os Estados Unidos em 2005, quando ele tinha 15 anos.

Mania musical à parte, ele foi atraído para a ciência através de histórias em quadrinhos e livros de ficção científica. "Uma Breve História do Tempo", é um dos livros que ele se lembra ler enquanto ainda cursava o 9º ano na Escola Pública Galaxy de Kathmandu.

O rapaz do outro lado do mundo, de um país bem pequeno, agora é célebre em vários jornais mundiais.

A NASA admitiu: Ele tinha razão, existe/existiu água em Marte!


Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias