Governo de Minas Gerais cria página no Facebook para promover combate e prevenção ao uso de drogas [Portal VozdoCLIENTE]

Governo de Minas Gerais cria página no Facebook para promover combate e prevenção ao uso de drogas Agência Minas


Alguns dos indícios de que há algo errado com o jovem e pode ser relacionado ao uso de drogas



O Observatório Mineiro de Informações sobre Drogas (Omid), órgão vinculado a Subsecretaria de Políticas sobre Drogas (Supod), abriu um novo canal de comunicação com os mineiros. A página Facebook.com/sobredrogasmg foi elaborada para ampliar a divulgação dos assuntos relativos ao uso de drogas.  Análise de pesquisas, campanhas de prevenção, tratamentos oferecidos pelo governo do estado e discussões com a comunidade agora estão a um clique.A linguagem e o design do Facebook foram pensados especialmente para adolescentes e jovens, público alvo da Supod. A página é dinâmica e interativa.  Nela, o internauta pode ainda tirar dúvidas, mandar sugestões de projetos para sua comunidade e trocar informações diretamente com o Omid.

Segundo dados da Pesquisa Anual do Usuário de Drogas 2014, feita pela Secretaria de Estado da Defesa Social (Seds), 67,5%, dos pacientes atendidos pelo governo em 2014 consumiram drogas pela primeira vez entre 12 e 17 anos. Os jovens entre 18 anos e 24 anos representaram 15,5% dos pacientes tratados. 

Para o subsecretário de Políticas sobre Drogas, Rafael Miranda, a informação é um meio importante para evitar e tratar o uso de drogas: “Nosso objetivo é reforçar as informações sobre os malefícios e perigos dos entorpecentes para a vida do indivíduo e para a sociedade usando o Facebook. Queremos ainda fomentar o debate com a comunidade e aceitar ideias inovadoras daqueles que conhecem a temática”. Rafael Miranda destaca o papel da família na prevenção às drogas e alerta aos pais alguns indícios do consumo de drogas (veja figura)

Sobre o CREAD

O Centro de Referência Estadual em Álcool e Drogas (CREAD) é o polo de implementação das políticas públicas sobre drogas de Minas Gerais. Em BH, há uma equipe técnica composta de profissionais (psicólogos, assistentes sociais e enfermeiros) prontos para atender e orientar, gratuitamente, educadores, famílias e os próprios usuários de álcool e outras drogas. Quando necessário, os técnicos encaminham o demandante para instituições especializadas em dependência química da rede de saúde ou grupos de mútua ajuda.

Sobre o SOS drogas

Centro de Acolhimento SOS Drogas é a porta de entrada CREAD, criado há 11 anos e tem como finalidade orientar, gratuitamente, educadores, familiares e usuários de álcool e outras drogas do Estado. Após avaliação, os profissionais podem encaminhar os usuários para instituições especializadas em dependência química, da rede de saúde ou para grupos de mútua ajuda. As internações são voluntárias. O serviço é prestado por meio de convênio com 28 instituições distribuídas em todo o Estado.

Canais de atendimento

- Telefônico pelo 155 (ligação gratuita), na opção 1,das 7h às 19h.

- Pessoalmente em BH - sede do Cread -  rua Rio de Janeiro, 471, terceiro andar – das 7h30 às 17h.

- Por e-mail cread@defesasocial.mg.gov.br.



Veja a reportagem na fonte.



Curta, comente e publique direto no Facebook

Mais lidas últimos 30 dias